Uma mulher excepcional

01/07/2022 09:00 - por Mildo Fenner



Leopoldina   de   Habsburgo é uma personagem decisiva na história do Brasil. No entanto,  sua vida íntima  é pouco conhecida.  Na obra “A biografia íntima de Leopoldina” (Editora Planeta, 289 páginas, R$ 44,90), o historiador Marsilio Cassotti  revela a vida da imperatriz  que conseguiu a independência do Brasil,  contando as experiências  desde a  infância da pequena quiduquesa  austríaca, durante as guerras napoleônicas contra a Áustria até o Congresso de Viena, quando se aventa o seu casamento com um príncipe em um país  que ela estava  predisposta a  amar.

Baseada no que contam e ocultam  as cartas de Leopoldina, em um tom intimista e  ágil, a obra  é um relato sentimental  e político, de transcendência europeia, mas ambientada no Brasil.  É a biografia de uma mulher excepcional, que mudou o país,  escrita com rigor histórico mas com uma leitura de romance. 

Leopoldina chega ao Brasil em 1817. O príncipe dom Pedro, mesmo alheio à escolha de uma esposa,  esmera-se para agradá-la, enquanto parte da realeza  a  trata com frieza. Como quase todas as esposas da época, Leopoldina  sublima a vida conjugal em constantes gestações e na criação de seus filhos,  desabafando  as mágoas em cartas  a sua irmã mais velha.

Depois da partida de dom João VI  e seu séquito  para Portugal, em 1821,  o príncipe  se apaixona por uma bela paulista, Domitila de Castro.  Leopoldina deixa de lado o rancor e  assume a  tarefa  de convencer  o marido a declarar a independência do Brasil. Quando consegue,  colabora com a organização do novo Império do Brasil enquanto  Pedro nomeia  Alteza Real a  filha  que teve com sua amante. 

Segundo o livro, Leopoldina  herdou o pragmatismo paterno e também as características  físicas tradicionais dos Habsburgo do ramo austríaco. Era loura, de pele muito branca, e tinha os olhos azuis,  de uma beleza que jamais perderia.

O historiador e  escritor Marsilio  Cassotti  estudou Ciências Políticas com especialização em Relações Internacionais na Universidade Católica de Buenos Aires, e  Língua Francesa no Instituto Católico de Paris. Publicou várias obras, entre elas “Infantas de Portugal, rainhas em Espanha,” “D. Tereza, a primeira rainha de Portugal,” “Carlota Joaquina,  o pecado espanhol” e “A rainha  adúltera –crônica de uma difamação anunciada,” biografias que foram favoravelmente acolhidas pelo público e  pela crítica.

Trecho:
“Por senso de dever, ou porque Leopoldina  era    dotada de um pragmatismo que não costuma ser  muito considerado  ao se falar dela,  os problemas conjugais de caráter íntimo  parece que não a impediram  de colaborar com seu marido em outros aspectos.  O senso prático da imperatriz, ou simplesmente o fato de que servia a  seu marido  como uma espécie de secretária-intérprete,  serviço do qual ele não podia –ou não queria- prescindir, manifestar-se-ia na carta que ela escreveu.”
(página 221)
        
SUPERANDO OBSTÁCULOS    
De autoria de Barbara Parente, “O reciclador de palavras” (Palavras Projetos Editoriais, 32 páginas, R$ 32,00) conta a história de um retirante  cearense que busca na reciclagem o sustento para  a família deixada no sertão  e  descobre nos livros um novo sentido  para  a  vida.  A obra é voltada para crianças a partir dos oito anos e busca mostrar a potencialidade da leitura e  da literatura para a superação de obstáculos da vida. 

LAURENTINO DESPONTANDO  
O escritor Laurentino Gomes concluiu a sua trilogia sobre a  escravidão com “Escravidão –Volume 3: Da Independência do Brasil à Lei Áurea” (Globo Livros) e  esta sua obra já aparece nas listas dos mais vendidos no país. Lançado na última semana, o livro  está em segundo lugar entre os não ficção e décimo na lista geral, com potencial  para ocupar o topo do ranking. Outro recém-lançado que vai crescer nas vendas é “Luiza Trajano –Mulher do Brasil” (Editora Gente),  biografia de Luiza Trajano  escrita pelo jornalista Pedro Bial. 

Leituras:
“Não subestime ninguém. Trate sempre com respeito. A vida é uma dança de cadeiras. Um dia sentado; noutro, de pé!”
(Fabrício Carpinejar, poeta, cronista e jornalista gaúcho, nascido  em Caxias do Sul em 23 de outubro de 1972, filho dos também poetas Maria Carpi e Carlos Nejar, com 43 livros publicados e  detentor de mais de 20 prêmios literários). 

Destaques:
O PODER DO QUANDO

\
Autor:
Michael Breus         

O objetivo deste livro é ajudar  o leitor, com dicas fáceis  e  exercícios simples, a  atingir seus objetivos,  conduzindo-o rapidamente a uma vida mais feliz, saudável e de sucesso. Autor de diversos livros sobre auto-ajuda, Michael Breus é psicólogo clínico, diplomata do Conselho Americano de Medicina do Sono e membro da Academia Americana  de Medicina do Sono. Escreve regularmente para jornais e  revistas.
Editora Fontanar. 387 páginas.  R$ 49,90.
                                                         
AS RECEITAS TRADICIONAIS DE IRMGARD ERNA MAHLKE STRENZEL

\
Autores:
Marlisa Marlene Strenzel, Geraldo Mario Rohde e Erika Thereza G. Rohde

O livro apresenta receitas culinárias baseadas no caderno de receitas  de Irmgard Erna Mahlke Strenzel, descendente de imigrantes alemães que residia  na Linha Contenda, em Paraíso do Sul. O livro foi escrito em 2020 pela filha de Irmgard,  Marlisa, pelo genro, Geraldo Mario Rohde, e por Erika, mãe de Geraldo,  casada com o ex-prefeito de Paraíso do Sul, Aldo Rohde. 

Um dos livros mais impactantes deste autor, “Ensaio sobre a lucidez” fala sobre os rituais da democracia e  da fragilidade do sistema político  e  das instituições. O que ele propõe  não é a substituição da democracia  por um sistema alternativo,  mas o seu permanente questionamento. Nascido em 1922,  de uma família de camponeses  do Ribatejo, em Portugal,  José Saramago   exerceu diversas profissões -como serralheiro, desenhista,  funcionário público e jornalista- antes de se dedicar à literatura.  Prêmio Nobel de Literatura em 1988,  escreveu dezenas de obras  relevantes do romance contemporâneo.   Faleceu em Lanzarote, Ilhas Canárias, em 2010. 
Editora Evangraf. 63 páginas.  Companhia das Letras. 32862,90   

(As obras apontadas  no Blog dos Livros  podem ser encontradas   junto à Revistaria e Livraria Nascente,  na Rua Saldanha Marinho,   1423, Cachoeira   do Sul)

\

19/08/2022 09:10

Super-heróis diferentes

12/08/2022 08:50

Relações com afeto

05/08/2022 09:10

Reinventando regras

29/07/2022 08:55

Decisões no mundo de hoje

22/07/2022 08:45

Diálogo por cartas

15/07/2022 08:15

Reconhecendo fenômenos

08/07/2022 08:45

Um clássico atualizado

24/06/2022 08:50

Cuidado materno

17/06/2022 09:00

Um clássico radical

10/06/2022 08:50

Deixando coisas para trás

03/06/2022 08:55

Afeto de mãe

27/05/2022 08:47

Uma fábula inspiradora