Grêmio perde por 3 a 2 para os reservas do Ceará na arrancada do Brasileirão

Foi com derrota por 3 a 2 para os reservas do Ceará a estreia do Grêmio no Brasileirão 2021. O Tricolor chegou a estar perdendo por dois gols, buscou o empate, mas um cochilo do goleiro Brenno no final garantiu a vitória do time cearense na Arena Castelão.

Sem Rafinha, Ferreira e Diego Souza, com covid, o Grêmio voltou a apostar em um meio-campo lento no primeiro tempo, com Lucas Silva e Thiago Santos. Se deu mal. Teve dificuldades para ficar com a bola e vacilou na defesa.

O Tricolor até teve a primeira chance para marcar. Aos 15 minutos, Ricardinho chutou por sobre o gol após passe de Léo Chú.

O Ceará abriu o placar na sua primeira finalização. Aos 35, Cléber chutou e contou com desvio da bola em Ruan para marcar 1 a 0.

Brenno salvou o Grêmio em chute de Saulo Mineiro, aos 37. Mas nada pôde fazer quando Ruan errou  e o Ceará foi certeiro no contragolpe para Rick marcar 2 a 0 aos 42. Por pouco não virou goleada. Aos 47, Brenno fez boa defesa em chute de Cléber.

Reação
No último lance do primeiro tempo, Vanderson fez boa jogada, tabelou e descontou para 2 a 1.

O Grêmio voltou para a segunda etapa com Bruno Cortez, Jhonata Robert e Jean Pyerre. Logo aos três minutos, Léo Chú cruzou e Ricardinho igualou em 2 a 2.

O Ceará voltou a encontrar espaços na defesa gremista e ameaçou aos 13, em chute de Rick para boa defesa de Brenno.

O controle do jogo passou para o Grêmio. Aos 27, Léo Chú chutou e Vinícius salvou o Ceará. Cortez desperdiçou aos 35.  Aos 40, o árbitro chegou a marcar pênalti em Cortez, mas anulou após conferir o VAR.

O Ceará só atacou no final. João Victor chutou perto da trave aos 45. Dois minutos depois, Brenno levou bola na trave, parou pedindo impedimento e Jorginho aproveitou para decretar a derrota gremista por 3 a 2, a primeira desde a chegada do técnico Tiago Nunes, que não viajou ao Ceará por estar com covid-19.

Ceará (3): João Ricardo (Vinicius); Buiú, Messias, Gabriel Lacerda e Kelvyn; Pedro Naress (Charles), Oliveira e Jorginho, Saulo Mineiro (Yony González), Cléber (João Victor) e Rick (Wendson). Técnico: Guto Ferreira.

Grêmio (2): Brenno; Vanderson, Geromel, Ruan e Diogo Barbosa (Cortez); Thiago Santos, Lucas Silva(Jean Pyerre) e Matheus Henrique; Léo Pereira (Robert), Léo Chú (Guilherme Azevedo) e Ricardinho. Técnico: Evandro Fornari (auxiliar).

Árbitro: Sávio Sampaio.
Local: Arena Castelão.

Mais Notícias

16/06/21 às 00:00h Esporte

CR7 com recordes

16/06/21 às 00:00h Esporte

Vai dar liga?

16/06/21 às 00:00h Esporte

Jean Pyerre nega pedido para sair