Blog dos Livros

Livros transformam o mundo

20/10/2023 08:40 - por Mildo Fenner

Segundo a  escritora e crítica Kim Van Alkemade, autora best-seller de “Órfã#8”, “este romance  é um lembrete pertinente  de que queimar ou banir livros é o primeiro  passo de uma escalada  que resulta em uma guerra  contra a liberdade de pensamento ou de expressão, que pode ter consequências devastadoras.” 

A escritora Kim fala sobre “A bibliotecária dos livros queimados” (Editora Harper Collins,  366 páginas, R$ 59,90),  de autoria de Brianna Labuskes,  que conta a história  de Althea, Hannah e Vivian,  três mulheres que mal se conhecem  e que têm algo em comum: acreditam no poder da literatura  para transformar o mundo.

Quando a  romancista  Althea James chega a Berlim em 1933 para um intercâmbio,  imediatamente se encanta com a  cidade efervescente  e vívida que encontra.  Mas, ao presenciar  uma queima de livros em massa organizada por nazistas, a  euforia  logo dá lugar ao medo.

Por sua vez,  Hannah Brecht, após a prisão do irmão,  foge de Berlim  para Paris, buscando uma vida segura, longe  do nazismo –e deixando os erros do passado para trás.  Em Paris, ela passa  a  trabalhar  na Biblioteca Alemã da Liberdade, onde busca resistir por meio dos livros.

Pula para 1944.  Nos Estados Unidos, Vivian Childs enfrenta um senador  que tenta encerrar  o programa de envio  de livros a soldados americanos em serviço. Para isso, ela recorre à única  pessoa capaz de ajudá-la: a bibliotecária  da Biblioteca dos Livros Proibidos  pelos Nazistas, no Brooklyn.

E, entre as pilhas de livros e  as narrativas preservadas, as vidas dessas três mulheres  se cruzam –e são mudadas para sempre. Convictas  de que a força dos livros é maior do que a violência, as três mulheres  terão as vidas mudadas  ao combaterem a repressão  e o apagamento dos livros da história.

Brianna Labuskes  é formada em Jornalismo pela Universidade Estadual da Pensilvânia e já atuou cobrindo   política para organizações nacionais de informação  antes de  se tornar escritora. Este livro é a sua estreia no mundo do romance, mas já escreveu o thriller psicológico  “A familiar Sight.”

Trecho:
“Nunca descobrira  se Hannah sobrevivera depois que os nazistas  marcharam para Paris. Até aquele momento, mantivera a esperança, afirmara a si mesma que a  alemã teimosa abrira  sua última carta.  Mas a guerra era concebida  para aniquilar  qualquer resquício de esperança.  Ter esperança parecia  pior do que uma tolice.  Parecia ser perigoso.”
(Página 329)

CONCURSO DE CONTOS I 
Estão abertas  até o dia 30 de outubro as inscrições   para o Segundo Concurso de Contos Alcione Sortica, promovido pela Academia Cachoeirense de Letras, de Cachoeira do Sul. O concurso vai distribuir prêmios aos primeiros colocados,  devendo ser posteriormente lançado  um livro com os melhores trabalhos.  O tema deste ano do concurso é “Mulher.”

CONCURSO DE CONTOS II
Haverá uma comissão  julgadora  composta de profissionais de literatura não ligados à academia para selecionar os trabalhos.  Poderão se inscrever  autores de todas as idades, participantes ou não da academia. As inscrições podem ser feitas pelo e-mail acl.cachoeira@gmail.com.  Alcione Sortica, o homenageado no concurso,  é escritor premiado nascido em Cachoeira do Sul,  que foi escolhido para integrar a Academia Cachoeirense de Letras mas faleceu antes de  ser empossado.

Leituras:
 “Aprendi  a não tentar convencer ninguém. O trabalho de convencer  é uma falta de respeito, é uma tentativa  de colonização do outro.”
(José Saramago  (1922-2010), escritor português, Prêmio Nobel de Literatura em 1995, considerado responsável pelo efetivo reconhecimento internacional da prosa da língua portuguesa).   

Destaques:

DIVINAS MULHERES   


Autora: Ann Shen  

Apresentando 50 deusas e  seus mitos,  o livro mostra como essas divindades  impactaram nossa cultura e não apenas inspiram mas também fortalecem com sua coragem, amor e compaixão. Embora suas origens sejam diferentes,  todas elas possuem algo em comum: são mulheres inigualáveis que encontram resiliência e coragem dentro de si mesmas para protagonizarem  suas próprias histórias. A autora é ilustradora, autora e  designer.  Seu estilo vibrante  já levou a  artista  a contribuir  com diversas publicações, campanhas e produtos pelo mundo.  Além deste livro,  é autora de “Bad Girls Throughout History” (2016), um tributo  às mulheres extraordinárias que mudaram o mundo.
Editora Darkside. 124 páginas.  R$ 69,90. 

TUDO O QUE SEI SOBRE O AMOR


Autora:
Dolly Alderton

Destinado ao público juvenil, o livro  fala sobre descobertas, experimentações,  romances intensos, roubadas,  porres homéricos,  empregos estranhos, foras destruidores, mágoas, humilhações e, o mais importante, amigos imprescindíveis. Fala sobre o verdadeiro caos que é amadurecer. Dolly Anderton é escritora, jornalista e colunista  do “The Sunday Times.” Este livro ganhou o “National  Book Award” de Melhor Biografia do ano de sua publicação no Reino Unido.
Editora Intrínseca. 384 páginas. R$ 59,90.  

(As obras apontadas  no Blog dos Livros  podem ser encontradas   junto à Revistaria e Livraria Nascente, na Rua Saldanha Marinho,   1423, Cachoeira   do Sul). 

Faça seu login para comentar!
19/07/2024 09:44

De criança para adulto

05/07/2024 09:47

Realidade virtual em romance

14/06/2024 09:39

Desencontros amorosos

07/06/2024 11:02

Um mundo de sentimentos

31/05/2024 15:35

Geração anos 90

24/05/2024 09:39

História sobre um tabu

17/05/2024 09:01

Discutindo masculinidades

10/05/2024 08:00

Gravidez desejada

26/04/2024 10:34

A luta contra a depressão