Você já ouviu falar do Dia Mundial dos Animais?

28/05/22 às 09h05 - por Cristiane Vieira da Cunha



Esta é uma data muito importante para a defesa dos bichinhos, já que funciona como um alerta para a necessidade de preservação de todas as espécies e do meio ambiente. 

É um dia para relembrar os direitos dos animais selvagens e domésticos. Afinal, quer coisa melhor do que celebrar os amigos peludos que presenteiam os dias com muito carinho e amizade?

Como o Dia Mundial dos Animais surgiu?
A história do Dia Mundial dos Animais começa oficialmente em 8 de maio de 1931, em Florença, na Itália. Neste dia, órgãos de proteção aos animais se reuniram no International Protection Congress e definiram uma data específica para celebrar anualmente os direitos dos bichinhos.

A data escolhida foi 4 de outubro, que também é o dia oficial de São Francisco de Assis. Na tradição cristã, o santo é considerado padroeiro dos animais e da natureza. Por isso, a decisão por essa data é ainda mais significativa para as pessoas que seguem a religião cristã.

A criação do 4 de outubro, Dia Mundial dos Animais, atendeu a um pedido do escritor e ativista alemão Heinrich Zimmermann. Ele foi o idealizador da celebração, ocorrida em 1925, em Berlim, na Alemanha.

Dia dos Animais de Estimação
Você sabia que também celebramos o Dia dos Animais de Estimação no Brasil? Esta data comemorativa nacional acontece todos os anos em 14 de março e tem o objetivo de estimular a conscientização das pessoas a respeito dos cuidados e das responsabilidades dos tutores, além de incentivar a prática da adoção.
Afinal, não é nada fácil cuidar de um bichinho doméstico, silvestre ou exótico no dia a dia. Por isso, é importante que a população esteja ciente de todas as responsabilidades que envolvem ter um animal de estimação, diminuindo os casos de abandono e maus tratos no país. 


Como ajudar a preservar a vida animal?
A preocupação com a vida animal e a natureza atravessa os séculos. Assim, o Dia Mundial do Animal gera reflexões sobre a importância de dar continuidade a esse trabalho. Para isso, destacamos algumas ações simples e viáveis a seguir. Inclua pelo menos uma no seu dia a dia.

- Prefira adotar um pet em vez de comprá-lo;

- Ao fazer a adoção, tenha atitude responsável;

- Evite colaborar com setores que maltratem animais (circos que incluem bichinhos nos espetáculos, por exemplo);

- Evite usar produtos testados em animais;

- Não use roupas feitas com pele ou pelos de animais;

- Seja voluntário em um órgão que se dedique a proteger animais ou o meio ambiente.

25/06/22 às 09h00

Pet tem puerpério?

Principais cuidados no pós-parto de cadelas e gatas

06/06/22 às 14h15

6 curiosidades sobre os gatos

18/04/22 às 09h10

5 odores que gatos detestam

09/04/22 às 10h25

Cuidados com a alimentação dos Pets durante a Páscoa

Chocolates e doces são mais que bem-vindos durante a Páscoa, mas com os pets a história é diferente.

26/03/22 às 08h40

Gato Bravo: Como Ajudar